quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Sei lá... a vida tem sempre razão

Tem dias que eu fico pensando na vida


E sinceramente não vejo saída.

Como é, por exemplo, que dá pra entender:

A gente mal nasce, começa a morrer.



Depois da chegada vem sempre a partida,

Porque não há nada sem separação.

Sei lá, sei lá, a vida é uma grande ilusão.

Sei lá, sei lá, só sei que ela está com a razão.



A gente nem sabe que males se apronta.

Fazendo de conta, fingindo esquecer

Que nada renasce antes que se acabe,

E o sol que desponta tem que anoitecer.



De nada adianta ficar-se de fora.

A hora do sim é o descuido do não.

Sei lá, sei lá, só sei que é preciso paixão.

Sei lá, sei lá, a vida tem sempre razão.

 
Composição: Toquinho / Vinicius de Moraes

2 comentários:

  1. Oi Camila!

    Escrever é muito bom, é libertador!
    Fico feliz em saber que seu tratamento está indo bem, logo estará curada, e postará aqui sua vitória com muita alegria e entusiasmo. Vamos fazer uma festa virtual!

    Fé na vida!

    Abraço

    Carin

    ResponderExcluir
  2. Com certeza! Obrigada pelo carinho!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!!! ;)

Obs.:Atualmente ando um pouco afastada do blog, mas podem me mandar e-mails, que eu respondo todo mundo! ;)

E-mail: milsinha@hotmail.com

Que Nosso Pai Eterno os abençoe grandemente!